15 de Agosto: Dia Mundial da Informática

Dia da Informática

Em 15 de agosto profissionais da tecnologia de todo o mundo celebram o Dia da Informática.
A data marca o dia em que John Eckert e John Mauchly apresentaram o ENIAC, aquele que seria o primeiro equipamento eletrônico chamado de computador no mundo.

Acrônimo de Electronic Numerical Integrator Analyzer and Computer, o ENIAC tinha capacidade de processamento de 5 mil operações por segundo, possuía 17.468 válvulas termiônicas, pesava aproximadamente 30 Toneladas e consumia 160KWH!

15 de Agosto: Dia Mundial da Informática

Visite Sinco.net

Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2356G

Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2356G
 
Apresentamos as referências de consumo para Servidores baseados nos processadores Intel® Xeon® E-2356G (6-Core / 12-Threads HT).

Além de servir como referência para custos de propriedade, essa informação é fundamental para que o gestor possa dimensionar adequadamente um nobreak, a própria rede elétrica, além de ser uma informação cobrada pelos principais datacenters do país. Lamentavelmente essa referência de consumo é muitas vezes omitida pelos principais fabricantes do mercado brasileiro.

Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2356G

Servidores Xeon E

Seguindo a metodologia adotada em ensaios anteriores (ao final dessa postagem publicamos os links para os testes de outras configurações), arbitramos uma configuração e medimos o consumo máximo alcançado pelo sistema completo - com 100% de uso de CPU e varredura total dos discos (em simultâneo ao uso de CPU).

Para medição usamos o Kill-a-Watt Powermeter P4400


Para estressar a CPU rodamos o Intel Processor Diagnostic Tools 4.1.7.39 64Bit e , em simultâneo , excitamos o uso dos discos rígidos com o CrystalDisk Mark 8.0.4a.


Alertamos para o fato de que essa carga de trabalho é artificial - uma vez que seria raro um usuário demandar 100% de uso durante as 24 horas do dia - todavia, é uma referência de custo mensal com energia.
 
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2356G

Configuração BASE
Arbitramos como configuração base a seguinte configuração:
  • Placa Mãe de Servidor MX33-BS0
  • Processador Intel® Xeon® E-2356G (6-Core HT / 12-Threads @ 3.20GHz)
  • 128 GB de Memória RAM (populados através de 4 módulos de 32GB DDR4/ECC)
  • 02 (Dois) SSDs Kingston® Enterprise DC-450R de 960GB em RAID-1
  • Fonte PFC Ativo 80+ de 500W
  • Sistema Operacional Windows Server 2022 Standard 
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2356G

Simulando carga de trabalho:
Chamamos de Consumo Leve a medição obtida durante o ensaio sob navegação em páginas Web, sem qualquer aplicativo adicional rodando em segundo plano.
Chamamos de Consumo Máximo a medição obtida enquanto os processadores são estressados (uso intenso de CPU) com o auxílio do programa Intel Processor Diagnostic Tools 4.1.7.39 em simultâneo à execução do CrystalDisk Mark 8.0.4a exigindo uso dos discos.


 Consumo Leve alcançado: 36 Watts 
 Consumo Máximo alcançado: 228 Watts 


Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2356G

 
 Arbitrando o uso constante pelo consumo de PICO, e atribuindo o custo de R$ 1,05 por KWH da Light (distribuidora aqui no Rio de Janeiro - valor comercial com impostos inclusos, em julho de 2022), teremos:


 Em regime 24/7: em 30 dias teremos R$ 172,37 
 Em regime 12/5 (dias úteis, das 08 às 20hs), em 22 dias úteis teremos R$ 63,20

Baixo Consumo de Energia

Esperamos que essas informações ajudem na decisão de compra do seu servidor.
Abaixo publicamos outras medições com modelos variados:

Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2356G
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2658V2
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E5-2658V2

Referências de Consumo para Servidores Xeon® E5-2690
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2176G
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E5-2670
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E5-2640
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable 6238R
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable 6240
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2226G
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2146G
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable 6140
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable 4116
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable Sawtooth
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2600V4 Cottonwood Pass V4
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E3-1230V3 Rainbow Pass
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E3-1200V2 Beartooth Pass
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E3-1200 Sandy Bridge
Referências de Consumo para Servidores de Virtualização
Referências de Consumo para Servidores de Storage
Referências de Consumo para Servidores Xeon 7400
Referências de Consumo para Servidores Xeon 3400
Referências de Consumo para Servidores Xeon 5500
Referências de Consumo para Servidores Xeon 3300
Referências de Consumo para Servidores Xeon 5400

Migração dos processadores Intel® Xeon® E-2146G para Xeon® E-2356G

Migração dos processadores Intel® Xeon® E-2146G para Xeon® E-2356G

A partir de 20 de julho de 2022 estará concluída a migração total dos processadores Intel® Xeon® E-2146G para os modelos Intel® Xeon® E-2356G.

As placas C246M-WU4 também serão atualizadas para o novo modelo MX33-BS0, ambas da Gigabyte®.

A nova série de processadores é baseada na arquitetura Rocket Lake, substituindo a antecessora Coffee Lake.

Os equipamentos encomendados serão entregues sem qualquer ônus para o usuário final.
Casos de absoluta necessidade do modelo anterior já foram discutidos individualmente e serão as últimas entregas do modelo 2146G.


PERFORMANCE
No índice CPU Benchmark (amplamente adotado pela indústria para referência de poder de processamento) os processadores Intel® Xeon® E-2146G atingiam 13.351 pontos, enquanto os novos processadores Intel® Xeon® E-2356G atingem 19.280 pontos
A otimização de performance da nova geração demonstra um incremento de 44%, mesmo com o clock de base reduzindo de 3.50 GHz para 3.20 GHz.

CPU Benchmark
Links úteis:
Visite Sinco.net

Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2658V2 (20-Core / 40-Threads)

Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2658V2
 
Apresentamos as referências de consumo para servidores Dual Processados baseados nos processadores Intel® Xeon® E5-2658V2 (20-Core / 40-Threads HT).

Além de servir como referência para custos de propriedade, essa informação é fundamental para que o gestor possa dimensionar adequadamente um nobreak, a própria rede elétrica, além de ser uma informação cobrada pelos principais datacenters do país. Lamentavelmente essa referência de consumo é muitas vezes omitida pelos principais fabricantes do mercado brasileiro.

Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2658V2

Servidores Seminovos Xeon E5

Seguindo a metodologia adotada em ensaios anteriores (ao final dessa postagem publicamos os links para os testes de outras configurações), arbitramos uma configuração e medimos o consumo máximo alcançado pelo sistema completo - com 100% de uso de CPU e varredura total dos discos (em simultâneo ao uso de CPU).

Para medição usamos o Kill-a-Watt Powermeter P4400


Para estressar a CPU rodamos o Intel Processor Diagnostic Tools 4.1.7.39 64Bit e, em simultâneo, excitamos o uso do SSD com o CrystalDisk Mark 8.0.4a.


Alertamos para o fato de que essa carga de trabalho é artificial - uma vez que seria raro um usuário demandar 100% de uso durante as 24 horas do dia - todavia, é uma referência de custo mensal com energia.

Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2658V2 (20-Core / 40-Threads)

Configuração BASE
Arbitramos como configuração base a seguinte configuração:
  • Dois Processadores Intel® Xeon® E5-2658V2 (Ivy Bridge EP)
  • 20-Core | 40-Threads (Clock nominal @ 2.40 GHz / TurboMAX 3.00 GHz) 
  • 64 GB de RAM (populados através de 4 módulos de 16GB DDR3 ECC Reg)
  • SSD Kingston® Enterprise DC-450R de 960GB
  • Fonte PFC Ativo 80+ de 500W
  • Sistema Operacional Windows Server 2016 Standard 

Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2658V2 (20-Core / 40-Threads)

Simulando carga de trabalho:
Chamamos de Consumo Leve a medição obtida durante o ensaio sob navegação em páginas Web, sem qualquer aplicativo adicional rodando em segundo plano.
Chamamos de Consumo Máximo a medição obtida enquanto os processadores são estressados (uso intenso de CPU) com o auxílio do programa Intel Processor Diagnostic Tools 4.1.7.39 em simultâneo à execução do CrystalDisk Mark 8.0.4a. exigindo uso do SSD.


 Consumo Leve alcançado: 110 Watts 
 Consumo Máximo alcançado: 268 Watts 


Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2658V2

Arbitrando o uso constante pelo consumo de PICO, e atribuindo o custo de R$ 1,05 por KWH da Light (distribuidora aqui no Rio de Janeiro - valor comercial com impostos inclusos, em Julho de 2022), teremos:


 Em regime 24/7: em 30 dias teremos R$ 192,96 
 Em regime 12/5 (dias úteis, das 08 às 20hs), em 22 dias úteis teremos R$ 70,75 

Baixo Consumo de Energia


Esperamos que essas informações ajudem na decisão de compra do seu servidor.
Abaixo publicamos outras medições com modelos variados:

Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2658V2
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E5-2658V2

Referências de Consumo para Servidores Xeon® E5-2690
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2176G
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E5-2670
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E5-2640
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable 6238R
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable 6240
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2226G
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E-2146G
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable 6140
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable 4116
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® Scalable Sawtooth
Referências de Consumo para Servidores Dual Xeon® E5-2600V4 Cottonwood Pass V4
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E3-1230V3 Rainbow Pass
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E3-1200V2 Beartooth Pass
Referências de Consumo para Servidores Xeon® E3-1200 Sandy Bridge
Referências de Consumo para Servidores de Virtualização
Referências de Consumo para Servidores de Storage
Referências de Consumo para Servidores Xeon 7400
Referências de Consumo para Servidores Xeon 3400
Referências de Consumo para Servidores Xeon 5500
Referências de Consumo para Servidores Xeon 3300
Referências de Consumo para Servidores Xeon 5400

Sinco.net

Hoje é Dia de Backup

Hoje é Dia de Backup
Mais um mês acabando e, como sempre, lembramos a importância de manter um backup confiável e protegido!

Confiável porque o backup, apesar de ser uma rotina automatizada, precisa ser checado e testado regularmente. Há caminhos que mudam, novas pastas são criadas, outras deixam de ser importantes... Por isso é preciso estruturar um mapa consistente de conteúdo e certificar-se que todas as informações importantes estão cobertas pela cópia de segurança.
Testado, porque não são raras as vezes em que os dados não chegam íntegros ao backup e, quando realmente são necessários, a decepção é arrasadora.

RAID não substitui o BACKUP
RAID, nos mais variados níveis, é uma tecnologia fantástica. Permite que um servidor mantenha-se acessível mesmo durante uma falha de I/O.
Entretanto, se um dado for excluído, corrompido ou criptografado, o espelho ou a redundância carregarão o mesmo problema.

Hot Swap não substitui o BACKUP
Unidades de SSD ou HDD com troca a quente (Hot Swap) somente facilitam a intervenção física. Por acesso externo é possível remover e reinstalar unidades nos servidores, porém... Se um dado for excluído, corrompido ou criptografado, a troca a quente de uma unidade não tornará o dado acessível.

Fontes redundantes não substituem o BACKUP
Fontes redundantes sustentam um servidor ligado, mesmo que uma das fontes de alimentação (uma das origens de energia) venha a ser desligada / perdida / danificada.
Esse recurso é crucial em modelos onde a energia seja fornecida por duas vias distintas, em especial por dois nobreaks alimentados por redes diferentes (concessionária e solar, por exemplo).
A solução baseada em fontes redundantes é altamente arriscada quando houver apenas uma origem de energia e, nessa, ocorrerem ruídos e/ou sobretensão. Havendo apenas uma origem de energia, quando ocorrer uma sobretensão, acontecerá a queima da primeira fonte e, logo em seguida, da segunda; já que a origem do problema persiste atacando ambos os módulos de fonte.
Um servidor com ambos os módulos queimados terá seus dados inacessíveis!

Balanceamento de Carga não substitui o BACKUP
Load Balance, além de manter o servidor online no caso de queda de um dos links, ainda traz ganhos no dia a dia, pois permitirá distribuir o tráfego por caminhos físicos individualizados quando ambos estiverem ativos.
No entanto, caso um dado seja (novamente) excluído, corrompido ou criptografado, não haverá acesso aos dados.

Nuvem não substitui o BACKUP
A nuvem tem cada vez mais destaque nas empresas e, como toda tecnologia que ganha ares de celebridade, é alardeada como a cura para todos os problemas!
Todavia, incontáveis vezes serviços de nuvem sofreram alguma forma de instabilidade e, até mesmo, queda integral da disponibilidade.
Provedores de notoriedade mundial, assim como provedores nacionais e regionais já ficaram fora do ar por dias! 
Os clientes que mantém cópia de seus dados em local físico podem injetar seus dados em uma nuvem concorrente ou, até mesmo, rodarem localmente em servidores físicos. Já quem não tinha...

Chuvas, alagamentos, deslizamentos, soterramentos
Ao menos três vezes por ano o Brasil noticia chuvas desproporcionais, seguidas de um grande alagamento. Municípios inteiros ficam inacessíveis por longos períodos e, por muitas vezes, há comprometimento físico de diversas empresas.
Aqueles que mantinham um backup consistente conseguem levantar sua operação, até mesmo, em um novo hardware e/ou local.

Incêndio, explosão, desmoronamento
Diariamente um grande incêndio ou explosão é noticiado em um negócio brasileiro. Galpões, armazéns, edifícios de salas comerciais, shopping centers, conjuntos comerciais, nenhum modelo está livre de um risco de incêndio, explosão ou desmoronamento.
Mesmo os datacenters (tecnicamente mais seguros), ao menos um por mês é comprometido no Brasil (dos mais variados tamanhos, geografia ou estrutura).

Fator humano
Há o mal, a ignorância, o descuido...
Destruir ou adulterar dados é uma vingança frequente. Não são raros os relatos de sócios ou  colaboradores que sabotam ou excluem dados intencionalmente após um desentendimento. 
Já houve, inclusive, um ataque de ira com golpes de extintor de incêndio contra os servidores de uma  pequena indústria por parte de um funcionário que saiu enfurecido do RH por ter sido demitido após descobrirem diversos atestados médicos falsificados.

Há a falta de informação, a baixa política de segurança, a ignorância do risco, onde usuários se expõem no ambiente virtual e, com isso, podem comprometer as informações de uma empresa.

Há o descuido! Por tantas vezes já houve um dado errado salvo sobre o bom, um caminho alterado, um dado excluído sem intenção... Não houve má fé do humano, mas houve descuido, desatenção.

Fator Software
O servidor que não sobe o sistema operacional após uma atualização, um hardware que trava após uma atualização de driver ou firmware, um volume RAID que não volta após um rebuild, os dados que não são mais suportados na versão mais recente do software... Inúmeros cenários onde a opção mais ágil seria não comprometer o dado e restaurar à última versão segura.
Muitas vezes o hardware não tem nenhuma parcela de culpa e a informação está em risco por diversos cenários de software / S.O.

Segurança
Sequestro de dados, ramsonware, vírus, malware... Exemplos não faltam e, nesses casos, prevenir ainda é melhor que remediar...

Desastres acontecem
Em geral cultivamos um pensamento otimista e acreditamos que problemas nunca afetarão nossas operações. Porém, se considerarmos que as informações de uma empresa são seu ativo mais precioso, é preciso prever o pior e planejarmos um processo de backup para que essas informações estejam seguras fora do nosso ambiente de trabalho.

Backup 3-2-1
A regra de ouro do backup é o conceito de Backup 3-2-1: ao menos 3 cópias dos dados em, pelo menos, 2 mídias diferentes, mantendo 1 das cópias em 1 lugar diferente!
Seguindo essa dica 3-2-1 a recuperação de um desastre será muito mais simples!




Visite Sinco.net

O inverno chegou! Um alerta sobre temperatura de servidores


Chegou o Inverno...

Em 21 de junho começa o inverno e, com ele, meses de baixas temperaturas.

Como já relatamos em postagens passadas, é tradição que não ocorram chamados ao suporte relacionados a temperatura dos servidores durante os meses de frio... E isso é preocupante, pois um servidor não pode alarmar no verão e NÃO alarmar no inverno!
Afinal, se o seu datacenter, CPD ou sala de servidores possui temperatura controlada, essa será sempre a mesma (internamente), seja inverno ou verão.

Não importa se os termômetros de rua estão marcando +42ºC em janeiro ou -3ºC em julho, dentro do datacenter a temperatura será sempre a mesma (variando conforme a possibilidade de cada um, em geral, de +16ºC a +23ºC).

Reforçamos: Se hoje seus servidores estão estáveis e sem alarmes térmicos, no verão eles tem a obrigação de estarem na mesma temperatura! Não importa se é verão.


Inverno ou verão... E a temperatura dos servidores...

Melhorar a refrigeração do Datacenter ou CPD... Esse é o momento... A hora é agora!
Se os seus servidores apresentaram alertas térmicos durante o verão e hoje estão estáveis, esse é um indicativo de que, no verão, seus sistemas de refrigeração não foram suficientemente dimensionados para as necessidades térmicas da(s) sala(s) de servidores.
Aproveite essa época de temperaturas mais baixas para providenciar melhorias nos sistemas de refrigeração do seu datacenter, CPD ou sala de servidores.
Com temperaturas naturalmente mais baixas é bem mais simples desligar alguns sistemas para realizar melhorias, seja a troca de aparelhos, manutenção, desobstrução, recargas, etc.
Até setembro é bem provável que seus servidores continuem com temperatura favorável. Não espere a chegada da primavera para voltar a receber alertas térmicos, nem a chegada do verão para sofrer desligamentos por precaução de limite de temperatura atingida!


Visite Sinco.net

Domínio Sinco.net completa 25 anos

Domínio SINCO.NET completa 25 anos


Registrado em 20 de Maio de 1997, em 2022 nosso domínio Sinco.net completa 25 anos!
Parece que foi ontem!

Domínio SINCO.NET completa 25 anos

Que venham mais 25!

Visite Sinco.net

17/05 - Dia Mundial da Internet

Dia Mundial da Internet

Desde 2006, no dia 17 de Maio se comemora o Dia Mundial da Internet.
A data foi estabelecida pela ONU em janeiro de 2006 e é também conhecida como Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade de Informação.

Damos nossos mais sinceros parabéns a todos que fazem parte dos bastidores desse mundo espetacular.

Profissionais que se dedicam à inovação, levando acesso aos mais remotos municípios brasileiros, enfrentando os mais diversos desafios, como ausência de infraestrutura, custos elevadíssimos, tributação hostil, instabilidades dos sistemas, dificuldades com mão de obra e tantos outros.

Parabéns a cada um de vocês!
Visite Sinco.net

#PasswordDay - Dia da Senha

#PasswordDay - Dia da Senha

Na primeira Quinta-feira do mês de maio é celebrado o Dia da Senha (#PasswordDay), data na qual diversas empresas de tecnologia postam dicas de segurança e reforçam conceitos como o uso de senhas fortes e a necessidade de renová-las de tempos em tempos.

De certa forma as dicas são muito focadas em usuários domésticos; como senhas de e-commerce, redes sociais e bancos.
Por nosso foco ser em servidores, aproveitamos a data para alertarmos para algo que acontece com preocupante frequência:

  Proprietários de empresas que acionam nosso suporte pedindo a SENHA do SERVIDOR!  

Antes de avançarmos, precisamos esclarecer que NÃO temos a senha do seu servidor!

Nossos equipamentos fornecidos com Windows Server em versão OEM ou Avaliação (Trial) seguem todos com a mesma senha padrão: abc123!@# , todavia, ao receber o equipamento, cabe ao gestor de TI a configuração do sistema operacional que lhe for mais conveniente e a criação de uma senha apropriada.

Em geral os administradores de TI são terceirizados ou funcionários da empresa e, em uma alarmante porcentagem de empresas, essa é a única pessoa que sabe as senhas de administrador ou root!

O que acontece se essa pessoa faltar ou se ausentar por razões médicas?
E se ela estiver de férias? Em lua de mel numa iha paradisíaca incomunicável?
E se essa pessoa for demitida em meio a uma discussão hostil?
E se ela sofrer um acidente, ou mesmo falecer?

Entendemos que muitas empresas possuam caminhões próprios e, em muitos casos, o motorista leve as chaves para sua casa. Mas a empresa possui a cópia da chave!
Entendemos que alguns funcionários tenham as chaves do escritório e abram a empresa pela manhã. Mas o dono da empresa não tem uma chave também?

Por isso aproveitamos esse dia para questionarmos aos proprietários e sócios-gerentes e de tantas empresas no Brasil:

  Se a sua equipe de TI for para o concorrente e você contratar novas pessoas para começarem amanhã... Qual é a senha do servidor?  

Visite Sinco.net

Feliz Páscoa!

Feliz Páscoa!

É tempo de Páscoa. É tempo de celebrar a vida.
Uma data tão importante que mistura religião, coelhos, chocolate, ovos e toda a sorte de sentimentos.
Páscoa nos faz lembrar que é preciso renovação.

Renovação das nossas esperanças, dos nossos valores e da esperança por dias melhores.

Páscoa é tempo de reflexão, celebração, ressurreição, fertilidade e gratidão.

É tempo de desejar ao próximo o que de melhor existe em nós.

Desejamos que essa Páscoa reserve momentos muito felizes junto com a família e renove as esperanças e forças para todo esse ano.

Feliz Páscoa!

Feliz Páscoa! De toda equipe Sinco.net
Visite Sinco.net

09 de Abril: Dia do Aço

Gabinetes Rack

Em 9 de abril é celebrado o Dia do Aço.
Composto essencialmente por Ferro e Carbono, é a liga metálica mais utilizada no mundo e, por isso, não deixaria de estar presente em nossos chassis, gabinetes e estruturas de rack.

Para muitos é difícil compreender a necessidade de sinergia entre uma empresa de tecnologia e uma metalúrgica, mas a parceria industrial entre a Sinco e a Nilko teve início em 1998 e já rendeu projetos consagrados, como o chassis de 5U com capacidade de alojar até 28 unidades de disco. Aclamado por sua praticidade e robustez, esse chassis para montagem em rack foi parte fundamental para que obtivéssemos o prêmio "Most Innovative Server Solution 2010" com nossa linha de Servidores para Virtualização.

Dia do Aço

  Visite Sinco.net